quarta-feira, 10 de agosto de 2011

Entrevista Exclusiva com o grupo SuspeitoUmDois Confiram.


O Blog “Olha Onde a Favela Chegou” trocou uma idéia com os parceiros do grupo SuspeitoUmDois. Grupo que recentemente lançou o seu primeiro disco oficial, o álbum “BemSuspeito”. Confiram ai as idéias dos caras!!!
Olha Onde a Favela Chegou- Salve Suspeitos! Tudo certo com vocês? Fale-nos um pouco sobre vocês, quem é o Binho e quem é o Flip e como vocês se envolveram com o Hip Hop?  

SuspeitoUmDois- 
Binho:”Meu nome é Pablo, não tenho outro de pia, mais conhecido por Binho o caçula de Ivana Maria”.Então rapa, não costumo e não viajo falar muito de mim(risos) quem me conhece sabe, então mano, comecei ouvir Rap há uns 10 anos, isso lá em 2000, quando eu já escrevia umas letras só de gastação no colégio. Antigamente lá em Correntina era osso pra conseguir umas bases, o jeito era fazer rima em cima das músicas mesmo ou nas batida de boca, aí, quando eu conheci uns maluco de Santa Maria da Vitória, cidade vizinha, foi que eu consegui um cd de base original da Porte Ilegal, com uns beat repetitivos pra porra, ”mas véi, caralho, aquilo era ouro pra mim”. Então, nesses roles de Correntina pra Santa Maria da Vitória eu acabei entrando no grupo dos cara, o nome era Apologia a Paz na época, hoje eu acho que os cara pararam, mas antes de parar eles ganharam um festival de Rap em Brasilia-DF, chamado Abril Pro-Rap. Daí então, eu comecei a fazer letras e mais letras, me envolver mais no esquema, não me via mais fora daquilo, entendeu! Uma das primeiras letras que escrevi foi ‘quem passou é que bota fé’, num beat lindo do Dr.dre, era foda, os beats eram escassos mesmo, e naquele tempo a gente num tinha internet de fácil acesso e nem computador. Então, já tava envolvidão até o osso, ainda muito verde, mais já decidido que aquilo seria minha vida, e não uma fase como o povo costuma dizer, foi aí quando em 2003 eu e uns irmãozinho decidimos formar um grupo, que resistiu por muito tempo com aquela formação, mais que futuramente cada um teria que tomar seu rumo. Viajei pra Goiânia, Brasília, Maceió, Aracajú, sempre levando o nome SuspeitoUmDois nas costas, não como um fardo, e sim como algo que me fazia e me faz ser o que eu mais gosto na vida, um rimador, um repeiro, cantor de rap, o que preferirem...mas segui firme, apostei e aposto até hoje, e dou sangue pelo SuspeitoUmDois.

FLIP: Sou um cara sonhador pra caramba, típico do signo de Peixes (pra quem acredita nisso). Trabalho, já que ainda não vivo do Rap, e estudo Administração de Empresas, pois quero fazer do SuspeitoUmDois a minha empresa! Sou um eterno aprendiz e sou grato por isso!  Minha inserção no movimento Hip-Hop se deu de uma forma meio 'diferente'. Aos 12 anos, em Curitiba, eu nem sonhava em conhecer o rap, eu curtia grupos tipo Detonautas, CPM 22, Charlie Brown etc. O fato é que o CPM 22 tinha acabado de lançar seu novo álbum, e certo dia eu corri pr'uma lojinha lá do bairro e comprei o tal do “álbum novo”. Voltei pra casa rapidão, no apetite pra ouvir. Cheguei em casa, estava sozinho, e coloquei o CD no som da sala pra rolar e fui pegar algo pra comer. Aí aconteceu o inesperado: Começou a rolar um 'TUM PÁ TUM TUM TUM PÁ' lá na sala, e eu achando que era mesmo musica nova do COM. Até que uma voz tenebrosa ecoou pela casa: - "ACHARAM QUE EU ESTAVA DERROTADO". Cara, eu nem comi mais nada! Fui pra sala, sentei no sofá e ouvi o CD inteiro. Aquele “CD novo do COM” havia despertado em mim um sentimento diferente, aquela batida tinha algo que me faltava até então. Infelizmente (ou felizmente), eu fui desiludido alguns dias depois ao descobrir que o tal cd não era do CPM! Se tratava de um tal "PANCADÃO DO RAP VOL.3" e trazia nomes como Apc16, Face da Morte, Racionais Mc's, Cirurgia Moral, Consciência X Atual, Sistema Negro, entre outros. De lá pra cá não parei mais! O Rap realmente se tornou a trilha sonora da minha vida. E a cada dia vem se tornando mais presente na minha caminhada. Rap não é apenas uma música, não pra mim! Eu o vejo como algo maior, que ultrapassa as diferenças raciais, sociais, etc. Uma frase que me marcou? -"Rap é o motivo, é a causa pela qual tô lutando. Me dedicando, perdendo noites e noites de sono" (Dina Di).

Olha Onde a Favela Chegou- Durante o período entre o surgimento do grupo e os dias atuais, o Suspeito passou por algumas formações. Qual é a formação atual do grupo?

SuspeitoUmDois- Atualmente, o SuspeitoUmDois é formado por Pablo Barbosa (Binho) e Felipe Araújo Bispo (Flip).

Olha Onde a Favela Chegou- Como é que foi o processo de criação do disco novo de vocês e quanto tempo levou para o álbum chegar na rua?

SuspeitoUmDois- Podemos responder com um vídeo? 


Binho:Então mano, o lance do cd foi uma parada assim que tinha que acontecer mesmo, e com a certeza de que foi com permissão das forças superiores, pois num tinha nada pronto, nem base, nem letra, exceto umas 3 músicas que a gente regravou. A gente ia gravar no máximo duas vezes por semana, e no tempo de uma semana pra outra a gente fazia as outras músicas, ia correndo na casa de MDN fazer os beats, pegava do jeito que saia mesmo e no outro dia já tava lá no estúdio do Pablo pra gravar. Às vezes a letra num tava nem pronta, aí enquanto Flip tava lá pondo a voz eu tava lá na sala escrevendo ou vice e versa.
Flip: O processo de produção do BemSuspeito levou pouco mais que dois meses (Março/Abril 2010) desde sua idealização até o início das vendas. Um período relativamente curto se for levado em consideração à grande quantidade de faixas. Haja vista que não havia nada pré-produzido, exceto as faixas “Se virá, virô” e “Bahia de Todos os Prantos”, que já existiam.


Olha Onde a Favela Chegou- Em uma das faixas do disco novo, vocês fazem uma critica irreverente em uma suposta entrevista do grupo, em que o apresentador de uma rádio insiste em errar o nome do grupo durante a entrevista. Vocês já passaram por situação semelhante ou só fizeram esse som de curtição mesmo?

 

SuspeitoUmDois- Primeiramente, gostaríamos de deixar claro que a faixa não consiste numa crítica à Rádio citada, e sim aos equívocos envolvendo o nome do grupo por parte de diversas pessoas ao longo da nossa história. O fato é que já presenciamos diversas vezes o nome sendo pronunciado e escrito de forma errada, principalmente quando a grafia era “Suspeito 1.2”. Foi por esse motivo que mudamos o modo de escrita para “SuspeitoUmDois”. “E, acredite, todos aqueles erros citados na entrevista fictícia já rolaram aí pelos eventos da vida”, comenta Flip.
Olha Onde a Favela Chegou- Entre o disco anterior do grupo (Se virá,  virô) e o disco atual (BemSuspeito), nota-se uma evolução na sonoridade do grupo. Onde na opinião de vocês essa evolução é mais perceptível?

SuspeitoUmDois- Ficamos felizes em saber que nossa evolução foi notória! Acreditamos ter evoluído no que diz respeito aos instrumentais, interpretação, letras e produção de modo geral.  Nos desenvolvemos também no quesito ‘visão de mundo’, que resultou numa abordagem mais profissional em relação ao Rap e crença no respeito ao trabalho e escolhas de outros artistas. Aprendemos que Rap é música SIM, e devemos respeito a todo tipo de público, desde que o mesmo seja recíproco.


Olha Onde a Favela Chegou- O lançamento do disco de vocês com certeza foi uma grande realização do grupo. Após o lançamento do disco quais são os próximos projetos do grupo Suspeito?

SuspeitoUmDois- Temos vários projetos em mente! Todo dia traçamos novas metas e concretizamos outras, entre elas: um novo vídeo clipe, apresentações dentro e fora de Salvador, singles com participações, atividades de interação com o público via internet e pessoalmente e, possivelmente, um evento. Recentemente atingimos a meta de criar nosso website, que ficou BemSuspeito! Aliás, somos suspeitos pra falar... Confiram e tirem suas próprias conclusões: www.suspeitoumdois.com.br

Olha Onde a Favela Chegou- Ainda sobre o nome do grupo, como foi que surgiu a idéia do nome: Suspeito Um, Dois?

SuspeitoUmDois- O nome do grupo foi algo que surgiu casualmente, do dia a dia mesmo, não teve nenhuma mesa redonda, a gente não parou pra pensar e, pronto, o nome vai ser esse. O nome SuspeitoUmDois surgiu quando a gente tava na rua, voltando de um role de skate na praça central de Correntina. Fomos abordados pela polícia do cerrado que, gentilmente, jogaram nossos pertences no chão e nos dirigiram impropérios, seguidos de agressão física e piadinhas de mau gosto. Sendo que uma delas deu origem ao nome do grupo: O fardado revistou, falou, bateu e no final mandou a gente correr, dando 10 segundos pra gente sumir da frente deles, senão a gente ia apanhar de verdade, pois era tudo suspeito. Então, na sagacidade de todo suspeito, no “1,2...” a gente correu, nem tava mais lá. No dia seguinte já se ouvia falar na cidade: -“ aí véi, se é suspeito é 1,2... corre vagabundo”

Olha Onde a Favela Chegou- Além das influências já citadas pelo grupo na faixa “Inspiração”, quais outras influências musicais vocês tem além do Rap?

SuspeitoUmDois- É bem amplo. Ouvimos muita coisa e podemos citar nomes como: Paulo Diniz, James Brown, Belchior, Fernando Mendes, Damian Marley, Chico Buarque, The BarKays, Jorge Ben Jor, Amy Winehouse, Luiz Gonzaga, Bezerra da Silva, Cartola, Céu, Alceu Valença, Caetano Veloso, Djavan...


Olha Onde a Favela Chegou- Como vocês vêem a cena do Rap local atualmente e quais grupos vocês destacariam?

SuspeitoUmDois- O Rap Baiano tem muito a evoluir, mas muito mesmo, assim como o Rap Brasileiro de modo geral. É preciso que os rappers, Djs e Beatmakers tenham em mente o fato de que esse é o trabalho deles e merece SIM um valor comercial. 2011 está sendo um bom ano pra cena baiana, com bons artistas surgindo e conquistando espaço através de bons “trampos”. Dentre eles, achamos válido citar grupos como Opanijé e Versu2, os quais tem levado nosso ritmo a outros estados e públicos. É importante que o resto do país perceba que a Bahia transborda potencial! E cabe ao público daqui esquecer essa história de que todo artista de outro estado é ‘melhor’ que os locais. Deve-se valorizar o que temos!

Olha Onde a Favela Chegou- O grupo SuspeitoUmDois faz parte de algum núcleo de Hip Hop, se faz, qual?

SuspeitoUmDois- Atualmente, o grupo não está ligado a nenhuma iniciativa nessa linha. No entanto, achamos extremamente válida a existência de núcleos organizados dentro do movimento e não descartamos nossa inserção 
em algo semelhante no futuro.
Olha Onde a Favela Chegou- Para finalizar, um jogo de perguntas e respostas rápidas. Um livro? Uma música? Um filme? Um disco? Uma pessoa? Um ídolo?

SuspeitoUmDois-

Binho: Livro: Morte e vida Severina Poemas
                       Hit’em up – 2 Pac
                       Filme: A luta pela esperança
                       Disco: Back to Black (Amy Winehouse)
                       Uma pessoa: Mateus (Irmão)
                       Um ídolo:2 Pac
                       
FLIP -
     Livro: Acorda! Hip-Hop (DJ TR)
     Música: Amor e Ódio (Dina Di)
     Filme: Tupac –Resurection
     Disco: Me against the world (Tupac Shakur)
     Pessoa: Janete Rangel Silva Araújo (Minha mãe)
     Ídolo: Jesus Cristo

    
Olha Onde a Favela Chegou- Valeu mesmo Suspeito! Pela disponibilidade de vocês em nos conceder parte do seu tempo para trocar essa idéia com agente. Façam então suas considerações finais e mandem um salve pra galera que acessa o blog: Olha Onde a Favela Chegou, e que acompanha o trabalho do grupo SuspeitoUmDois. Deixem também os contatos de vocês para quem quiser conhecer melhor o trabalho do grupo e também adquirir o CD novo do SuspeitoUmDois.

SuspeitoUmDois-Opa! Satisfação imensa nossa pelo convite feito pelo nosso grande irmão Paulo Brazil e pela oportunidade de falar mais pra rapa sobre o nosso trampo e sobre a nossa intenção no Rap! Grande “Salve”    a todo o público do Blog que nos deu também um pouco de sua atenção. Agradecemos também a todos aqueles que seguem nos apoiando e acreditando no nosso potencial! Seremos sempre gratos!

Quem quiser trocar idéia, contratar, conhecer etc., pode nos achar:

Pelos fones:
           (71) 81515108     
           (71) 82477051     
           (71) 91125709     

-Email: contatosuspeitoumdois@gmail.com

-Twitter:
@FLIP_Suspeito
@SuspeitoUmDois-

Facebook:
http://pt-br.facebook.com/pages/SuspeitoUmDois/155884261144201

- Site Oficial
www.suspeitoumdois.com.br

2 comentários:

  1. Acreditamos nesses moleques! Sucesso na caminhada!
    Axé!!!

    ResponderExcluir
  2. Papo Reto como tem que ser! valeu Aliados S.1.2!

    ResponderExcluir